Reestruturação empresarial

Definições

Reestruturar é reorganizar, adotar novas políticas, avaliar as práticas e o desempenho dos profissionais da empresa e adotar novas diretrizes, efetuar uma análise do mercado em que atua para verificar a participação que exerce dentro deste e até mesmo aventar a possibilidade de se explorar novos nichos.

Enfim, avaliar o que é preciso para que a empresa cresça e se desenvolva de maneira que mantenha o seu equilíbrio e a saúde financeira da empresa, de modo a satisfazer seus interessados, tanto internos quanto externos.

Efetua-se uma “Reestruturação Empresarial”  quando a empresa busca um ajuste ou mudança para continuar sobrevivendo, aumentando seu lucro ou produzindo maiores resultados para seus acionistas ou donos.

 

Este processo pode ser usado para qualquer situação e em qualquer etapa, mas sempre deverá começar com um diagnóstico com o objetivo de se apurar e avaliar os riscos que serão corridos, as oportunidades de mudanças e principalmente, avaliar os pontos positivos e negativos de se executar tal mudança.

A necessidade de projetos de reestruturação ocorrem, principalmente, nas seguintes situações:

- Quando da aquisição ou fusão de outra empresa;

- Quando existe a necessidade de mudança no segmento de atuação da empresa;

- Quando da necessidade de um reposicionamento mercadológico com a finalidade de reforçar sua posição;

- Quando a empresa está atravessando dificuldades financeiras, queda nos negócios, dividas com bancos etc.;

- Quando a empresa tem a necessidade de ser mais enxuta, pois existe um excesso de cargos, níveis hierárquicos e burocracia;

- Quando a empresa necessita de uma mudança global em virtude de seu envelhecimento ou a crescente ameaça;

- Quando devido ao desenvolvimento e crescimento de seus concorrentes.

Modalidades de reestruturação
 

1 - Estrutural

Quando se percebe que a empresa envelheceu, ou esta envelhecendo, ou a sua concorrência vem crescendo e tomando parte do mercado.

2 – Mercadológica

Normalmente são realizadas para se evitar o declínio comercial ou de participação de mercado da empresa, permite que seus “gestores e executivos” possuam uma avaliação mensal das vendas e revisem as estratégias adotadas.

3 – Financeira

É normalmente utilizada quando a empresa tem um passivo muito elevado (dívidas), com fornecedores e bancos, pagando juros muito elevados. Geralmente é nesta situação que a empresa começa a efetuar corte de funcionários, renegociação de dívidas, comercialização de patrimônios, vendas de ativos etc. 

4 – Organizacional

Quando a empresa tem a necessidade de se tornar mais simplificada e modernizada. Começa-se aqui a eliminação de cargos, funções, bem como dos excessos de níveis hierárquicos, falta de coordenação e excesso de burocracia.

5 – Informatização (TI)

Na maioria das vezes, principalmente em empresas de médio porte, os sistemas de informação necessitam de atualização e revisão devido a falta de sincronismo, relação das interfaces com seus usuários e a falta de uma visão gerencial.

6 – Estratégica

Não podemos esquecer que o mercado globalizado possui evolução e exigências constantes, logo é essencial efetuar uma reavaliação dos conceitos e das estratégias escolhidas pela empresa, melhorando e até mesmo efetuando  alteração em seu rumo.

Contato:​
+55 51 2139.5910

atendimento@twgconsulting.com.br

Complexo Empresarial Platinum Building

Avenida Carlos Gomes, 700

8º andar - Porto Alegre - RS

Endereço:​

Complexo Empresarial Platinum Building

Avenida Carlos Gomes, 700

8º andar - Porto Alegre - RS

Contato:​
+55 51 2139.5910

atendimento@twgconsulting.com.br

© 2019 by TWG Consulting